Programa

Teoria Eletromagnética II

FIS 09946

Semestre 2019/01

Professor Jair C. C. Freitas

Programa previsto:

  1. Magnetostática (Revisão).
  2. Campos magnéticos na matéria.
  3. Indução eletromagnética e equações de Maxwell.
  4. Leis de conservação no eletromagnetismo.
  5. Ondas eletromagnéticas.
  6. Potenciais e campos.
  7. Radiação.

Além desses tópicos, deverão ser abordados em seminários individuais proferidos pelos alunos temas como os seguintes:

  • Teoria microscópica do magnetismo.
  • Propriedades eletromagnéticas dos supercondutores.
  • Magnetohidrodinâmica.
  • Dispersão ótica nos materiais.
  • Guias de ondas.
  • Ondas eletromagnéticas esféricas.
  • Eletrodinâmica e relatividade.

Bibliografia:

Livro-texto:                D. J. Griffiths. Eletrodinâmica, 3a edição, Pearson, 2011..

Textos auxiliares:    R. Reitz, F. J. Milford, R. W. Christy. Fundamentos da teoria eletromagnética, 3a edição, Editora  Campus, 1982.

K. D. Machado. Teoria do Eletromagnetismo, Vols. 2 e 3, Editora UEPG, 2002.

Avaliação:

A avaliação incluirá duas provas parciais e uma prova substitutiva, previstas para as seguintes datas:

Prova 1 (itens 1, 2, 3 e 4):                                     03/05/2018
Prova 2 (itens 5, 6 e 7):                                         02/07/2018
Prova substitutiva (todo o conteúdo):          09/07/2018
Prova final (todo o conteúdo):                         16/07/2018

Além das provas serão aplicados diversos testes ao longo do período, com o objetivo de manter continuamente atualizado o conteúdo que está sendo ministrado. Esses testes serão baseados em problemas retirados do livro-texto e/ou exercícios propostos em sala de aula. A lista com os problemas e exercícios para cada teste será comunicada aproximadamente uma semana antes da sua realização. Os seminários individuais descritos no item I serão avaliados com notas de 0 a 10 e a nota correspondente será considerada como a nota de um teste (mas com peso dobrado). Será computada ao final do semestre a média das notas dos testes realizados, sendo desprezada a menor nota obtida nos testes (excetuando-se a nota obtida no seminário, que não será desprezada).

O controle de freqüência dos alunos será feito por meio de Listas de Presença. Em todas as aulas do semestre os alunos deverão assinar a lista do dia, que é a prova legal da presença do aluno na aula. A ausência da assinatura do aluno na Lista de Presença em determinado dia implicará no cômputo de número de faltas correspondente ao número de horas-aula desse dia. De acordo com as normas da UFES, cada aluno poderá faltar até 25% das aulas da disciplina. Não existe abono de faltas por motivo médico ou por qualquer outro motivo; as aulas perdidas por quaisquer motivos devem ser enquadradas no porcentual permitido para faltas, descrito acima.

A média parcial será computada através da média aritmética das três maiores notas dentre as quatro a seguir: nota da prova 1, nota da prova 2, média dos testes e nota da prova substitutiva. Os alunos que obtiverem média parcial igual ou superior a 7,0 estarão automaticamente aprovados sem a necessidade de avaliação final. Os alunos que não obtiverem essa média deverão realizar uma prova final, necessitando de obter média final igual ou superior a 5,0 para conseguir aprovação na disciplina.

Informações adicionais: http://blog.ufes.br/jairfreitas/te2.

Críticas, comentários e sugestões: jairccfreitas@yahoo.com.br .