O que você deve fazer para ser co-autor de um trabalho científico?

Para ser considerado um co-autor de um manuscrito publicado em período científico proveniente de um trabalho sob a minha orientação, você deve contribuir com ao menos 2 das 5 categorias listadas a seguir.

  1. Contribuir com a concepção e delineamento do estudo que serviu de base para o manuscrito;
  2. Prover supervisão, recursos e/ou materiais indispensáveis para a finalização do estudo;
  3. Desenvolver um método, dispositivo, sistema ou processo essencial para a finalização do estudo;
  4. Participar da coleta, processamento, análise e/ou interpretação dos dados;
  5. Contribuir com a revisão da literatura, escrita e revisão crítica do manuscrito.
Se você contribuiu para algum trabalho de acordo com as diretrizes listadas acima e não foi reconhecido como autor, entre em contato comigo imediatamente. Em casos nos quais um acordo entre as duas partes não ocorrer, uma terceira parte – imparcial – será consultada. Esta pessoa será selecionada em comum acordo com todas as partes envolvidas.

É importante frisar que cada pesquisador possui seus próprios critérios para determinação de co-autoria. Por considerá-las de bom senso e de acordo com a ética acadêmica, utilizo as mesmas diretrizes disponibilizadas no site do Prof. Keith Baar da Universidade da California (http://fmblab.com/Authorship.html).

Ética e ciência não devem andar separadas jamais.

Sobre Lucas Guimarães Ferreira

Professor do Centro de Educação Física e Desportos da Universidade Federal do Espírito Santo
Esta entrada foi publicada em ciência, ética. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

1 respostas para O que você deve fazer para ser co-autor de um trabalho científico?

  1. Pingback: Authorship Guidelines – Council of Science Editors (CSE) | Blog do Prof. Lucas Guimarães Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *